Aprender Teclado ou Piano? Qual a diferença e qual é melhor?

Aprender Teclado ou Piano? Qual a diferença e qual é melhor?

Você tem vontade de aprender a tocar um instrumento de teclas, mas não sabe se deve escolher o teclado ou o piano?

Anúncio

Quer saber quais são as principais diferenças entre esses dois instrumentos, tanto em termos de características, quanto de aprendizagem?

Então este artigo é para você!

Neste artigo, vamos explicar o que é o teclado e o que é o piano, quais são as vantagens e desvantagens de cada um, como é o processo de aprendizagem de cada um e como escolher o instrumento ideal para você. Ficou interessado? Então continue lendo e tire todas as suas dúvidas!

O que é o teclado?

O teclado é um instrumento musical eletrônico, que simula os sons de diversos outros instrumentos, como piano, órgão, violão, saxofone, flauta, bateria, etc.

O teclado possui um painel com botões, alavancas, rodas e telas, que permitem alterar o timbre, o volume, o ritmo, o efeito e o acompanhamento das músicas.

O teclado também possui um sistema de memória, que permite gravar e reproduzir as músicas tocadas.

O teclado é um instrumento versátil e portátil, que pode ser usado para tocar vários gêneros musicais, como pop, rock, gospel, sertanejo, forró, etc, e que pode ser transportado e conectado facilmente a uma fonte de energia.

Além disso, o teclado é um instrumento acessível, que pode ser encontrado em diversos modelos, tamanhos e preços.

O que é o piano?

O piano é um instrumento musical acústico, que produz os sons por meio de um mecanismo de cordas e martelos, que são acionados pelas teclas.

Este instrumento possui um corpo de madeira, que abriga as cordas, os martelos, os pedais e a caixa de ressonância, e possui um teclado, que pode ter 88, 76 ou 61 teclas, dependendo do tipo e do tamanho do instrumento.

O piano é um instrumento clássico, que geralmente é usado para tocar obras eruditas, como as de Bach, Mozart, Beethoven, Chopin, etc, mas também pode ser usado para tocar outros estilos musicais, como jazz, blues, soul, etc.

O piano, sem dúvidas, é um instrumento imponente e símbolo de intelectualidade, que requer um espaço adequado e uma manutenção periódica. Este é um instrumento caro, e pode chegar a custar milhares ou até milhões de reais, facilmente.

Quais são as vantagens e desvantagens de aprender teclado ou piano?

Aprender teclado ou piano pode trazer muitos benefícios para a sua vida, como:

  • Desenvolver a sua coordenação motora, a sua percepção auditiva, a sua memória, a sua concentração e a sua criatividade.
  • Expressar as suas emoções, os seus sentimentos, as suas ideias e as suas histórias por meio da música.
  • Relaxar, se divertir, se emocionar e se desafiar com as músicas que você toca ou cria.
  • Ampliar o seu repertório musical, o seu conhecimento cultural e o seu senso crítico.
  • Fazer novos amigos, participar de grupos, bandas, corais, orquestras, etc.

No entanto, aprender teclado ou piano também pode ter algumas dificuldades, como:

  • Exigir tempo, dedicação, disciplina e paciência para praticar e evoluir.
  • Demandar um investimento financeiro para comprar o instrumento, o material didático, as aulas, etc.
  • Enfrentar obstáculos técnicos, teóricos, emocionais e motivacionais ao longo do aprendizado.
  • Lidar com as críticas, as comparações, as frustrações e as expectativas alheias.

Além disso, cada instrumento tem suas próprias vantagens e desvantagens, que devem ser consideradas na hora de escolher qual aprender. Veja a seguir algumas delas:

Teclado

Vantagens

  • Possui uma variedade de sons, ritmos, efeitos e acompanhamentos, que permitem tocar diversos estilos musicais e se adaptar a diferentes situações.
  • Possui um teclado mais leve e sensível, que facilita o toque e a execução das músicas.
  • Possui um tamanho menor e um peso menor, que facilitam o transporte e a instalação do instrumento.
  • Possui um custo menor e uma manutenção menor, que facilitam a aquisição e a conservação do instrumento.

Desvantagens

  • Possui uma qualidade de som menor e uma expressividade menor, que podem comprometer a fidelidade e a beleza das músicas.
  • Possui uma complexidade maior e uma funcionalidade maior, que podem dificultar o manuseio e o aproveitamento do instrumento.
  • Possui uma durabilidade menor e uma obsolescência maior, que podem reduzir a vida útil e o valor do instrumento.
  • Possui uma tradição menor e uma aceitação menor, que podem limitar as oportunidades e o reconhecimento do instrumentista.

Piano

Vantagens

  • Possui uma qualidade de som maior e uma expressividade maior, que garantem a fidelidade e a beleza das músicas.
  • Possui uma simplicidade maior e uma funcionalidade menor, que facilitam o manuseio e o aproveitamento do instrumento.
  • Possui uma durabilidade maior e uma obsolescência menor, que aumentam a vida útil e o valor do instrumento.
  • Possui uma tradição maior e uma aceitação maior, que ampliam as oportunidades e o reconhecimento do instrumentista.

Desvantagens

  • Possui uma variedade de sons, ritmos, efeitos e acompanhamentos menor, que limitam os estilos musicais e as situações que podem ser tocados.
  • Possui um teclado mais pesado e mais resistente, que dificultam o toque e a execução das músicas.
  • Possui um tamanho maior e um peso maior, que dificultam o transporte e a instalação do instrumento.
  • Possui um custo maior e uma manutenção maior, que dificultam a aquisição e a conservação do instrumento.

Como escolher entre aprender teclado ou piano?

Depois de conhecer as principais diferenças, vantagens e desvantagens de aprender teclado ou piano, você pode estar se perguntando: qual deles é melhor para mim? A resposta para essa pergunta depende de vários fatores, como:

  • O seu perfil: você é mais clássico ou mais moderno? Você é mais conservador ou mais inovador? Você é mais formal ou mais informal? Você é mais sério ou mais divertido?
  • O seu objetivo: você quer aprender por hobby ou por profissão? Você quer aprender por prazer ou por obrigação? Você quer aprender por si mesmo ou por alguém?
  • O seu estilo musical: você gosta mais de música erudita ou de música popular? Você gosta mais de música antiga ou de música atual? Você gosta mais de música nacional ou de música internacional?
  • O seu orçamento: quanto você pode gastar para comprar o instrumento, o material didático, as aulas, etc.? Quanto você pode gastar para manter o instrumento, o material didático, as aulas, etc.?
  • O seu espaço: onde você vai colocar o instrumento? Onde você vai praticar o instrumento? Onde você vai tocar o instrumento?

Dependendo das suas respostas, você pode ter uma ideia de qual instrumento se encaixa melhor com você.

Por exemplo, se você é mais clássico, quer aprender por profissão, gosta mais de música erudita, tem um orçamento alto e um espaço grande, o piano pode ser uma boa opção para você.

Por outro lado, se você é mais moderno, quer aprender por hobby, gosta mais de música popular, tem um orçamento baixo e um espaço pequeno, o teclado pode ser uma boa opção para você.

No entanto, não existe uma regra única ou uma fórmula mágica para escolher entre aprender teclado ou piano.

O importante é que você leve em conta os seus interesses, as suas possibilidades e as suas expectativas, e que experimente os dois instrumentos antes de decidir. Você pode se surpreender com as sensações e as emoções que cada um pode te proporcionar.

Conclusão

Aprender teclado ou piano é uma decisão que envolve vários fatores, como o perfil, o objetivo, o estilo musical, o orçamento e o espaço do aprendiz.

Cada instrumento tem suas características, vantagens e desvantagens, que devem ser conhecidas e avaliadas.

O teclado é um instrumento versátil, portátil, acessível e moderno, que permite tocar diversos sons, ritmos, efeitos e acompanhamentos.

O piano é um instrumento clássico, imponente, caro e tradicional, que oferece uma qualidade de som, uma expressividade e uma aceitação maiores.

Não há um instrumento melhor ou pior do que o outro, mas sim um instrumento mais adequado ou menos adequado para cada pessoa. Por isso, o ideal é que o aprendiz experimente os dois instrumentos, compare as suas diferenças e semelhanças, e escolha o que mais se encaixa com o seu perfil, o seu objetivo e o seu estilo musical.

O importante é que o aprendiz se sinta motivado, satisfeito e feliz com o seu instrumento, e que aproveite ao máximo os benefícios de aprender música.

Deixe um comentário